Política da UE de redução de carbono pode favorecer produtos brasileiros